Revenge – 1×22: Reckoning [Season Finale]

Let it play.

Spoilers Abaixo:

Parece que foi ontem que ninguém levou fé em Revenge, e todos faziam apostas certeiras de fracasso e cancelamento. Pois comemoremos, amigos, porque o season finale da primeira temporada foi uma celebração de toda essa jornada e do quanto os céticos estavam errados.

Devo dizer que estou, ao mesmo tempo, surpreso, triste, chocado, indignado, mas muito orgulhoso de Revenge! Ao fim do episódio, senti que havia acabado de sair da maior montanha-russa do mundo, e bem quando pisava no chão de novo, veio um caminhão e me atropelou.

Começando pelo início, nosso desastrado amigo Nolan acabou virando isca para atrair Emily. Nossa heroína se deixou capturar, mas, como sempre, tinha um plano na manga – desta vez, literalmente, já que seu grampo estava exatamente lá, para ser usado para se libertar e “Kick his ass!” (Nolan, sempre ótimo). Depois da segunda melhor sequência de luta da série (sim, Lydia versus Frank, a batalha de fazer inveja a qualquer Anderson Silva, continua no topo), Emily finalmente tem a vida de Cabelo Branco em suas mãos, e…

(Início do desabafo) Decepção, claro. A pessoa passa anos e anos bolando uma Revenge e, na hora H, amarela e deixa a pessoa ir como se nada tivesse acontecido! ESTAMOS HÁ VINTE E DOIS EPISÓDIOS ESPERANDO VOCÊ DESTRUIR OS RESPONSÁVEIS PELA MORTE DO SEU PAI, SUA AMARELONA!!!! Cadê Uma Thurman pra parar de cantar musiquinha em “Smash” e ensinar pra Emily como se faz uma Revenge decente???

“Ah, mas ela foi nobre e honrou a memória do pai!” Uma ova!!! Se ela quisesse honrar a memória do pai, teria seguido a porcaria do conselho dele e deixado tudo pra lá, mas ela claramente não fez isso, ou não teríamos série, certo? Então, que termine o que começou! Conclusão: enquanto Emily não aprender a ser bad-ass como ela passa a série inteira fingindo ser, ela não terá meu respeito. E tenho dito! (Fim do desabafo)

Mal Emily chega e já tem de aguentar Daniel perguntando sobre o beijo de Jack. Sem paciência para aquela pamonhice toda, nossa heroína trata de terminar o noivado, numa cena com um excelente diálogo mostrando que, no fundo, ela realmente se importava com Daniel, mas o encanto se quebrou no momento em que o noivo decidiu se transformar em um Grayson legítimo. Achei uma cena muito bonita e bem cuidada, e cheguei a ter certa compaixão por ambos pela destruição de toda essa relação muito bem construída ao longo da temporada.

Mas minha pena sumiu quando me dei conta de que agora Daniel está sendo completamente manipulado por Ashley. Creio que Emily finalmente começará a enxergar Ashley na próxima temporada, quando souber do casamento do ex com a “amiga”, caminho para o qual acredito que a relação dos dois seguirá agora. E aí, temos algum Daniley na plateia? Ou seria Ashniel? Esses dois não combinam suficiente nem pra criarmos um nome pros shippers!

Quem finalmente entrou no caminho certo foi nossa amada Charlotte!!! Fiquei completamente apaixonado pela Charlotte aprendiz de megaevil – ou seja, minievil – honrando os genes que herdou da mãe e destruindo a vida da who da escola. É assim que se faz, menina! Declan, claro, continua um chato inútil e bonzinho que não acrescenta absolutamente nada à série, ou seja, o tipo do personagem que merece se dar mal, mesmo.

Enquanto isso, Emily e Nolan estão lá JURANDO que completaram uma Revenge decente. Para comemorar, “champagne is always appropriate” (já pode mandar fazer um banner com esse quote maravilhoso? Ou ao menos um ímã de geladeira?). Foi bem bacana o brinde dos dois em homenagem a papai David. As cenas entre Emily e Nolan, pra variar, estão entre as melhores desse excelente finale, é invejável a química entre os dois, e Gabriel Mann rouba totalmente qualquer cena em que aparece. Os roteiristas, claro, já adoram Nolan e continuam inspiradíssimos para dar a ele alguns dos melhores quotes da temporada, como “Do not do anything revengey until I get there, got it?”. Gênio!!!

Com seu plano chegando ao fim, Emily decide contar toda a verdade a Jack, mas, como temos uma nova temporada inteirinha esperando, eles não poderiam ser felizes para sempre ainda, certo? Então, quem está de volta? A minha, a sua, a nossa FalsAmanda! O retorno de Amanda grávida foi o grande momento mexicano da série, e desta vez isso não é um elogio, foi um dos piores clichês novelescos da série, até Malhação já fez melhor que isso. Mas deixemos passar, porque alguma coisa precisava separar Emily e Jack. Só acho uma pena que seja Amanda e que ela vá voltar a ser uma vilãzinha caricata de novela, daquelas que fazem de tudo pra roubar o homem da heroína.

O que realmente aguçou minha curiosidade nesse caso é: por onde esteve Amanda durante esses seis meses e por que Takeda a liberou justamente agora, no dia exato em que Emily contaria tudo? Será que passa Big Brother Hamptons lá no Japão????

Teorizando, agora que sabemos que a conspiração contra David Clarke vai muito além dos Graysons, dá para imaginar que Takeda tem um envolvimento grande nessa história e teve seus próprios motivos para treinar Emily em sua Revenge. Achei essa tal iniciativa uma sacada de gênio, porque não apenas permite que Revenge continue a todo vapor (ficar assistindo a Emily se vingando por seus próprios motivos egoístas tinha um prazo de validade não muito longo, concordam?), como também me ajuda a engolir aquela história de o Takeda se dar ao trabalho de ir até os Hamptons e sujar as mãos de sangue para “ajudar” Emily. É claro que aí tem coisa!

Falando na Iniciativa, sua existência nos leva ao clímax de todo o finale (quiçá da temporada): o momento em que sofri e me debulhei em lágrimas Victoria entra no avião que causará sua morte. Vocês não imaginam minha angústia naquela cena, porque era óbvio que algo ia acontecer para impedir que a série simplesmente chegasse ao fim, com a polícia descobrindo tudo. Achei que Victoria levaria tiros enquanto subia, ou qualquer coisa assim – afinal, aparentemente no Serviço Secreto, de secreto só o nome, já que todo mundo sabia do dia, hora e local em que um avião que continha ABSOLUTAMENTE TODAS AS PROVAS E TESTEMUNHAS JUNTAS de um caso dessa dimensão decolaria.

Mas, quando a câmera mostra que havia alguém futricando embaixo do avião (afinal, qualquer um pode ter acesso aos aviões do Serviço Secreto), e esse alguém tira o gorro e faz aquela cara de “Sou eu, o malvado Cabelo Branco!”, ficou claro o que aconteceria. BOOM!  A presença de Cabelo Branco naquele avião foi o fim da picada e a garantia de que, se a morte de Victoria realmente se confirmar, nunca vou perdoar Emily por ter amarelado no início do episódio. E ainda por cima, Revenge prova que está toda trabalhada na franquia “Premonição” e mata Lydia Davis junto, porque não se pode enganar a morte quando chega sua hora.

Mas como não vimos absolutamente nada do que houve, apenas Charlotte vendo sobre a explosão do avião no noticiário e tentando suicídio (incrível como Revenge conseguiu transformar a overdose clichê que certamente viria em algo motivado por uma bomba como a morte de Victoria), qualquer coisa pode acontecer na próxima temporada. Assim, é hora de tentarmos desvendar esse mistério:

Por que Mike Kelley pode ter matado Victoria Grayson:

- Matar a atriz de mais renome de uma série pode até ser arriscado, mas é extremamente surpreendente e vira notícia.

- Revenge vinha trabalhando o arrependimento e redenção de Victoria há quatro episódios, uma clara maneira de fazer com que Madeleine Stowe deixasse a série “por cima”.

- Se a busca de Victoria pela redenção se concretizasse e a conspiração fosse revelada às autoridades, a série terminaria.

- Não falta trabalho para Madeleine Stowe, e talvez a própria atriz não tenha tido interesse em renovar o contrato.

- É possível que Kelley tenha usado Stowe como um chamariz de audiência até Revenge conquistar seus fãs (e, se for o caso, o plano funcionou muito bem) e agora já sente que a série pode andar sozinha.

- Não deve ser tão barato manter Madeleine Stowe na série.

Por que Mike Kelley pode NÃO  ter matado Victoria Grayson:

- Sempre é possível usar o clichê do “Programa de Proteção à Testemunha” (sim, pela primeira vez estou torcendo por um clichê).

- A atriz mostrou que é “à prova de balas”, sustentando muito bem a série nos seus piores tempos, quando ninguém acreditava no que ela se tornaria.

- Revenge só esteve no Globo de Ouro este ano, ganhando certo respeito, porque a intérprete de Victoria foi indicada como melhor atriz de série dramática.

- Ainda que Revenge já esteja consolidada, Madeleine Stowe foi e continua sendo um dos principais chamarizes de audiência da série.

- Nem mesmo um acidente aéreo seria suficiente para acabar com uma diva como Victoria Grayson.

Não vou ficar em cima do muro e direi o que eu acho: sim, Victoria Grayson está morta. E Charlotte, claro, está viva, porque vaso ruim não quebra. E o pior de tudo é que a tendência é de que essa tentativa de suicídio a reaproxime de Declan e enterre de vez a Charlotte minievil que havia sido tão bacana neste episódio.

Além disso, temos uma séria candidata a nova diva de Revenge: a mãe de Emily, que está viva. Não é o David Clarke, mas vai ter que servir. Estou curioso para saber o que está por trás dessa história. E animado, porque, se a mãe de Emily conseguiu passar 22 anos fingindo que estava morta, por que Victoria não poderia voltar em qualquer momento futuro da série, não é mesmo? Devo dizer que vejo a Marcia Cross caindo como uma luva para esse papel. Um homem pode sonhar, não? Por tudo isso, só tenho uma coisa a dizer sobre a segunda temporada: let it play.

E vocês? Gostaram do finale? Também estão animados para a próxima temporada? E Victoria, teve o que mereceu, ou é melhor que ela continue na série? Fico no aguardo dos comentários!

Começar as reviews de Revenge em uma época em que a série ainda estava desacreditada e vê-la crescendo tanto (tanto em qualidade quanto em número de fãs) ao longo da temporada foi uma experiência muito bacana graças aos comentários de vocês, cada vez mais empolgados e apaixonados por esse mundo maluco de Mike Kelley.

Espero que minhas reviews tenham ajudado a tornar toda essa confusão ainda mais intrigante e principalmente divertida. Muito obrigado a todos pela companhia ao longo desses meses, e até setembro, pessoal!

VICTORIA GRAYSON (in memoriam) – os melhores momentos da rainha no season finale

- Persuadindo Lydia a testemunhar:

When I am done with him, it will make your taxi cab bounce look like a trip to Saint-Tropéz!”

- Dando o melhor conselho que uma mãe pode dar à filha:

Charlotte: “Has getting retribution ever made you feel better about yourself?” Victoria: “Yes, when the other party deserved it.” Charlotte: “And if they didn’t?” Victoria: “Then you forgive yourself and move on! The quicker, the better!”

- Mostrando por que também é conhecida como “A Mãe Dinah dos Hamptons”:

Conrad: “Victoria, if you board that plane, it’s going to be the last thing that you do.” Victoria: “Then I guess I’ll see you in Hell!!!”

“EU NÃO NASCI PRA TER UM FILHO BANANA!!!” PÁ!!!

Victoria Grayson, rainha para sempre em nossos corações – porque diva que é diva faz questão de ir trollar a protagonista antes de dar seu último suspiro.

  • r_guy

    100 comentários!! WOW

  • Matheuspmo

    alguém sentiu um cheiro de prison break nessa finale de revenge?

  • 11_luana

    A mãe da Amanda( Emily) deve ser bem pior… e certamente não vai amarelar!! // Victoria não pode ter morrido, deve ter pulado antes… enfim, deve ter uma saída . TOMARÁ!!

  • Jonathas Faria

    Victoria não pode ter morrido, pelo menos não sem saber que Emily é Amanda Clarke.

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Qualquer cara minimamente esperto tem que ter medo dela hahah. 

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Não é um furo, não… dá uma olhada na minha resposta para a Tatiane Lopes, acima. É o que eu penso sobre isso (e também acho que ele conhece a mãe, claro).

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Lyz, só consigo dizer muito obrigado pelos seus comentários, e afirmar que sem dúvida isso é apenas reflexo da postura de vocês mesmos. Revengers all the way! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Se você parar pra pensar, a atitude da Victoria não é nem um pouco incoerente. 

    Ela sempre pôs Daniel em primeiro lugar. O amor pelo filho é incondicional, ele era o ponto fraco dela desde o início (ou você acha que ela tolerava a Emily por consideração?). 

    Quando Daniel disse que ela estaria morta pra ele, eu tinha certeza de que ela desistiria da Revenge.

    O que me impressionou foi justamente o que ocorreu no finale, quando ela desafiou Daniel e deu o sensacional (e merecidíssimo desde o primeiro momento da série) tabefe (como vou sentir falta dos tapas da Victoria!!!). Mas isso ocorreu porque ele difamou o David Clarke, exatamente como o pai. Victoria não aceitou isso, e acabou colocando David acima do filho. Achei tudo compreensível, esse lado psicológico da Victoria foi muito bem construído ao longo da série.

    Obrigado pelo comentário, e até a Season 2! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Debora, eu não sinto que ela entrou no avião “de besta”. Toda aquela pausa, aquela reflexão da Victoria, demonstrou claramente que ela sabia dos riscos. Ela fez uma opção de entrar naquele avião, de correr aquele risco por aquilo em que acreditava. Foi uma escolha extremamente consciente. 

    (é claro que isso abre a possibilidade de ela estar viva, mas, se ela não estiver, não foi uma morte ocasionada por “burrice”, heheh).

    Obrigado pelo coment! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Raquel, dá uma olhada na minha resposta acima, para a Debora.

    Obrigado pelo comentário! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Eu acho que isso provavelmente significa que Cabelo Branco já lutou CONTRA a mãe da Emily, hein? rs. 

    Valeu pelo coment, Rose! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Temos Alias e Chuck nessa mesma onda, Adriana! rs. 

    Mas se a personagem for boa, a gente perdoa!

    Valeu pelo coment! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    MUITO obrigado pelo comentário tão simpático! =) 

    Até a próxima temporada!

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Oi Fernanda, já vi algumas entrevistas com a Madeleine Stowe, e ela não força nenhum tipo de sotaque para interpretar a Victoria, não. Ela fala assim mesmo, e, embora o inglês dela seja de fato americano, há sim uma leve diferença, talvez por influência dos pais (o pai é britânico, a mãe é costarriquenha).

    Abraços, volte sempre! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Jean, se ela tiver morrido, não acho que foi por ingenuidade. Ela tinha noção do risco, mas entrou no avião por escolha, porque acreditava que aquilo era o que ela tinha que fazer. Ela partiu para o tudo ou nada. É o que eu penso.

    Valeu pelo coment! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    kelly, dê uma olhada na minha resposta para o Jean, acima. Não acho que Victoria tenha sido ingênua, mesmo que tenha morrido. 

    Obrigado pelo coment! =)

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Pessoal, fui fazer uma viagem no fim de semana, e fiquei completamente chocado quando retornei e acessei a review para ver os comentários.

    Eu sempre soube que a série era um sucesso e que os Revengers eram ótimos, mas vocês superaram todas as expectativas! Muito obrigado pelo feedback e por cada comentário. É o tipo da coisa que estimula muito um reviewer a tentar se superar a cada trabalho.

    Grande abraço a todos, e até a Season 2! =)

  • http://twitter.com/RMeztizo Lascivo~ RodrigzZzZz

    MOTIVOS PELOS QUAIS ACHO QUE VICTORIA GRAYSON NÃO ESTÁ MORTA:
    1- A repórter do jornal que Charlotte assistia disse “there appears to be no survivors”. “Aparentemente” não existem sobreviventes.
    2- A morte dela teve pouca atenção. Digo “atenção” no caso de seguirmos a obviedade de uma edição. Não mostraram nenhuma cena dela dentro do avião DURANTE a explosão, com slow-motions e etc, coisa que geralmente é feita quando um personagem morre. O que quero dizer é que a provável morte dela não teve o caráter dramático que geralmente se aplica a personagens principais. Foi tudo muito rápido, entende? Tudo feito mais pra dar susto mesmo.
    3- Tipo, DUH, toda a premissa da série aponta Victoria como o alvo principal de Emily, e a quenga morre?? IMAGINEM as cenas maravilhosas que ainda teremos entre Emily e Victoria se a última ainda estiver viva?? Seria burrice da criação da série.

  • http://twitter.com/RMeztizo Lascivo~ RodrigzZzZz

     Foi o grisalho que matou DC sim, pois em um dos episódios tem um flashback e nessa cena tinha ele enfiando uma faca no david

  • Lyn

    Eu achei que o Nolan ia falar “Finish him” ! hahaha Acho que a Victoria não morreu, ela não pode morrer!! Mas como a Charlotte aprendeu a imitar a voz dela, talvez ela assuma o lugar da mãe.. heheheh E tenho um ódio profundo do Daniel, a cada dois episódios ele fica do lado de um dos seus pais… Não tenho saco pra ele! Adorei a resenha, beijo!

  • KarinLL

    Como temos 4 meses até a volta de Revenge, nada como uma boa teoria da conspiração: quem vocês acham que é o pai do bebê da Falsamanda?
    A. Jack, o mais óbvio (portanto, o menos provável)B. Tyler. Eles passaram um tempo juntos enquanto Tyler estava em poder da caixa e ela acabou se tornando cúmplice dele, ameaçando Emily. De repente, rolou um “élan” entre os dois.C. Takeda. Afinal, onde ele enfiou a Falsamanda esse tempo todo?É claro que existe a possibilidade de ser alguém que nem entrou ainda para a estória. Mas, como eu disse, precisamos de algo para nos ocupar até setembro.

  • fernanda

    obrigada pela atenção. vou procurar as entrevistas.
    suas reviews, ótimas como sempre.
    abraços

  • fernanda

    umas das finales que mais deu o que falar.rsrsr

  • http://www.facebook.com/jennifer.gomes.752 Jennifer Gomes

    “Victoria, if you board that plane, it’s going to be the last thing that you do.” Victoria:“Then I guess I’ll see you in Hell!!!”
    Chuto na teoria dela não ter embarcado e armado pra Lydia, depois do Conrad ter dito isso só se ela quisesse morrer pra embarcar mesmo, fora que ela forjando a morte vai foder muito mais com Conrad.
    Fiquei SUPER curiosa sobre o Takeda na próxima temporada.

  • Victor

     ”Victoria Grayson, rainha para sempre em nossos corações – porque
    diva que é diva faz questão de ir trollar a protagonista antes de dar
    seu último suspiro.” Chorei com essa parte. kkkkkkkSublime essa review.

  • r_guy

    Po cara depois de um episódio desse e dessa review maravilhosa que vc fez!!! Só merece os parabéns :D 

    Que venha a segunda temporadaaaaaa

  • r_guy

    Cara, Prison Break foi sinistro!!! Prison Break pra mim teve a melhor primeira temporada q já vi…

  • http://twitter.com/yosoymary YoSoyMary

    “Será que passa Big Brother Hamptons lá no Japão????” LOL
    Mais triste do que esperar pela segunda temporada de Revenge é ficar sem as tuas resenhas, Luiz Gustavo. Vez ou outra voltarei aqui para reler e matar a saudade :D

  • Carol L.

    SE VOCÊ AINDA NÃO VIU ESSE VIDEO DE REVENGE: 
    http://www.youtube.com/watch?v=aCtkLccQfGw Depois diga o que achou!!

  • Sandrita0210

    Já vi esse video, foi postado aqui antes..perde um pouco o encanto em ver aqueles fundos falsos, prefiro continuar acreditando que eles estão nos The Hamptons.

  • r_guy

    Caramba…. Pensava que aquilo td era verdade! :(

    Muitoooo bem feito! Parabéns equipe de produção!!

  • Elaine Resende Felipe

    Queen Victoria não pode estar morta!!! Ela é uma diva!!! a melhor de todas… Não me importo a desculpa esfarrapada para salva-la. O importante é que ela volte…

  • LR

    Confesso que quando comecei a assistir não botava muita fé. Mas Revenge me conquistou!! Suas reviews são ótimas, Luiz Gustavo. Espero que Victoria não esteja morta, isso não pode, gente!!! E FalsAmanda voltou pra ser “empata love”?? Sei que ela é uma personagem importante, mas a detesto. Por mim, ela pode voltar lá pra junto do Sr. Miyagi. Quanto a Nolan só tenho a dizer que ele é demais. O que seria de Emilly sem ele?? Ah, será que tem Pay per view pra assistir ao BBH?? hahaha

  • LR

    Tem umas cenas que realmente dá pra perceber o uso da tela azul/verde, tipo aquelas em que eles estão na beira da praia e os cabelos não se movem (que praia é essa que não tem  vento, gente?!), entretanto a maioria das cenas é super bem feita. Realmente, ver esse vídeo faz a série perder um pouquinho (só um pouquinho mesmo) do encanto, mas ao mesmo tempo é legal saber como são as gravações.

  • http://www.facebook.com/people/Tatiane-Lopes/100000360975370 Tatiane Lopes

    Oi, vc viu os pedidos no ultimo podmaniacos?? Tá todo mundo pedindo Revenge na segunda parte das finales!! Vc tem que participar!! Abraço

  • Just

    Só eu acho que essa situação da Charlotte lembrou totalmente a Marissa em The O.C.? Resolveu virar uma piranha, atacar e a aprontar e acaba tendo seu “fim”. Espero mesmo que tenha sido ela e o Mike é um gênio hein, olhem o buzz que a suposta morte da Victoria gerou. Aposto que a série vai voltar na 2ª temporada mais forte ainda e é claro que ela não vai morrer, que maneira melhor de encerrar a temporada com um puta cliffhanger como esse? 

  • Leonardo Alves

    Com certeza a Vicky não morreu! Imagina! Seria um grande desperdício mata-la sem mostrar a sua cara ao descobrir a boa bisca vingativa que a Ems era!

  • Mari

    fui a unica qe adorou a volta da fake amanda??  msm sendo nesse criche.. na boa jake é pior qe lydia pra mim, personagem chato..  zzzz.. SOU TEAM NOLAN OU DANIEL, ta qualqer um menos o jack.. podia morrer =D .. o nome é revenge!! se quer ser o bonzinho é melhor trocar de serie.. haha’
    cena perfeita da victoria.. e ela vive, ahhh se vive o/
    esperando a 2 temp.. espero qe seja tao boa qanto essa grande surpresa qe foi a 1 C=

  • RTsaraiva

     
    Início de feriadão chuvoso resolvi me dedicar a uma série nova e, como gosto da história do Conde de Monte Cristo, escolhi Revenge para uma mini maratona nesse tempo. Baixei logo 4 episódios e inicialmente não fiquei empolgada. Vim ao site procurar as reviews e encontrei a Review do piloto feita pela Camis, que eu gosto muito, mas me pareceu preconceituosa e até incisiva demais! Todo mundo tem o direito de não gostar de uma série outra (eu, p. ex., não consigo me adaptar a GOT) e acho até bom q ela tenha largado a review desta pq assim abre espaço p outra pessoa assumir a série. Porém tive a impressão d q ela keria fazer com q tds tb abandonassem a série. Só um comentário: Sorry for her!
    Continuei revirando o site e eis q encontro um review tripla com um autor até então por mim desconhecido q já me conquistou de imediato por sua “sinopse comentada” e suas tiradas como “sono define” e “durmam com essa!”. Outro ponto interessante é q ele sempre expõe suas dúvidas e suas apostas para o futuro da série, e muitas vezes acerta em cheio aquele nosso pensamento remoto ao assistir o episódio. Além disso, deixa bem claro q a interpretação dos atores pode sim prender um telespectador por um bom tempo, até q série ache seu ponto de conforto e siga sozinha.
    No episódio 5 a série ganhou um gás e começou a animar os fãs. A review seguiu os passos e começou a apresentar elogios à trama e até cobranças q só fãs são capazes de fazer.
    No episódio 6 a série se consolida e o Luiz Gustavo começa a acertar previsões (acho até q os  roteiristas estão lendo o seriemaniacos) ou até duvidar de plots óbvios p muitos (como o fato de Tyler ser gay) mostrando q está se dedicando ao escrever esses reviews e, principalmente, está lendo os comentários dos fãs e valorizando-os mesmo não concordando com algumas coisas.
    A qualidade da review do episódio 7 se resume nesta frase: “os planos de Emily, que pareciam perfeitos nos quatro primeiros episódios, estão quase tão infalíveis quanto os do Cebolinha.” Sim, o Guto tb lia gibis na infância. Ele é gente como a gente rsrsrsr.
    No episódio 8 começou a ficar claro q os roteiristas estão inspirados para escrever os textos do Nolan já que o Gabriel Mann está roubando a cena sempre q aparece. A review já começou enaltecendo a genialidade desse personagem (afinal MIT não é p qq um neh!). E também trouxe uma reclamação inversa pedindo o retorno dos vilões aleatórios dos primeiros episódios. Parece q o estilo roleta russa deixou sdds msm.
    Na review do episódio 9 uma surpresa: a cereja do bolo estava na frase inicial e na foto escolhida a dedo. ““Sabemos como você se sente”, dizem os compreensivos espectadores de Revenge à chocada Ashley.” Simplesmente espetacular!!!
    Palmas p as inúmeras observações ao final da review do episódio 10. Fikdik: quanto mais observações melhor senhor Luiz Gustavo!
    Uma das vantagens de não acompanhar uma série em tempo real é não precisar esperar pelo retorno após a midseason. E que bom q não precisei! Episódio 11 impecável, review impecável! Um destaque para os quotes: “Como você se sente sendo o cara mais burro da sala?” “Aren’t you inventive?”(melhor ainda com o sorrisinho sarcástico da Emily) “I bet you do, slut!” e para o sempre criativo Luiz Gustavo “Quem foi o gênio que teve a ideia de terminar o episódio com a deliciosa expressão maquiavélica/triunfante de Madeleine Stowe? Eu quase esperei ela abrir a boca pra dizer: “Estou no Globo de Ouro, me engulam, bitches!”” Palmas p a Madeleine Stowe!!!!
    Mais uma vez mostrando a está atento a tudo, Guto comenta até do estilo “par de jarros” das 2 queens no início do episódio 12. Fora a revelação da paternidade da CharTA que muitos já suspeitavam, o episódio mostrou tb q o Nolan está aí p o q der e vier no q diz respeito aos planos da nossa querida protagonista. Obs: baywatch??? Eu RI ALTO!
     Episódio 13 resumido: “Don’t do that!” Nolan & Emily Forever S2
    Obs: achei o pedido de casamento bem brega maaaassss, estou assistindo a uma novela Mexicana então não posso reclamar!
    Pergunta da review do 14:Sim, eu sei o q é uma fita VHS e sou do tempo de usar um adaptador para transformá-la em um fita grande hehehehe. Até esse toca fitas q foi mostrado, com cabo USB e etc é MUITA MODERNIDADE p mim rsrsrsrs. O convite do noivado estava estonteante! Comecei a me perguntar como seria o convite do casamento?? “Se Tyler ainda estivesse na série, ele poderia ter importância nessa história…”. Mais uma vez, link direto com os roteiristas, hein Luiz Gustavo?
    Episódio 15 literalmente instalou o caos. Roteiristas sambando na nossa cara, invertendo expectativas, criando novas alianças, retornando personagens q, aparentemente, já haviam encerrado suas participações, deixando furos na sequência p explicar no próximo episódio e mostrando que realmente já estava TUDO previamente calculado. Guto errando várias profecias mas já se aventurando em outras pq reviewer q é reviewer não se abala com nada!
     “Emily: “What do you want?” Nolan: “World Peace. But I’ll start small”.” #nolanrules!!!!!
    Ótima interpretação do tapa na cara da CharTA!!
    Apenas mais dois episódios (16 e 17) que provam q Revenge veio p ficar!
    O q dizer sobre essa review dupla (18/19)?? Foi lançado o melhor termo sobre a série até agora: “Big Brother Hamptons” com direito a produtos personalizados no site da globomarcas.com!!!! Episódios q mostraram a atenção dos roteiristas e q a série não dá ponto sem nó. Emily assumiu de vez o posto de protagonista e o Nolan, sempre surpreendente, mostrando q ainda tem muita história atrás daquele estilo geek!
     
    Episódio 20 mostrando q qd os dias atuais estiverem enrolados, ou qd precisar de um episódio filler p sustentar a série temos, no mínimo, deliciosos 10 anos de história p contar. E com a nossa aprovação!!!!! Detalhe: ri muito com o título: Amanda C., 18 anos, drogada, desiludida! Uahuahauahuaha
    Ainda estou de luto pelo Sammy, não consigo comentar! #rip
    Como cheguei ao season finale muito satisfeita com toda a temporada de revenge me arrisco a dar alguns pitacos nesse ponto:
    1 – Whyyyy Emily Thorne ainda não tinha visto todos os presentes de noivado até agora??
    2 – Me pareceu q Queen Victoria queria mesmo era ferrar sua bff e fazê-la embarcar no avião rumo à morte enqt ela daria um jeito de escapar e ficaria algum tempo em uma realidade paralela assim como ficou a própria Lydia e a fake Amanda.
    3 – Falando em Amanda que momento oportuno p ela retornar não??? Ou passa BBH no Japão ou o Nolan não é tão #teamjack qt aparenta. Quem mais poderia providenciar esse contato direto com Jackie Chan na hr q a mocinha desiste da sua vingança? E s era isso q ele queria, pq mostrar esse backup com tantas informações novas na hr q a mocinha mais precisa é de um ombro amigo??
    4 – Ainda não entendi qual é do malvado de cabelo branco mas pelo visto ele forjou a morte do David (#DavidClarkeLives) na prisão, conhecia a mãe da Amanda bem até demais (pode ser q ainda esteja a serviço dela), não morreu mas tb não matou nem denunciou nossa protagonista, é muito mais esperto do q um simples policial de penitenciária, e, se não está do lado do bem (se é q existe esse lado em revenge) ao menos aparenta estar contra o lado do mal.
    5 – Mais alguém achou q Lydia poderia ser a mãe da Amanda?? (boa de briga, comprou a casa do David, sempre presente e indestrutível – até agora pelo menos).
    6 – Entendo perfeitamente a atitude de não matar o kra. Uma coisa é planejar uma vingança, tirar dinheiro, incendiar casas, até causar mortes por tabela. Outra coisa é enfiar um machado nas fuças de uma pessoa e sentir o sangue quente espirrando na sua kra.
    Enfim, desculpe o post longo mas tive q correr atrás do prejuízo. Tudo isso p agradecer pelas excelentes reviews q eu já salvei no meu pc porque quando eu for rever a série quero ler todas as reviews de novo e de novo sempre.
    Obs: alguém já convenceu Camis a dar uma segunda chance p Revenge??
    Let it Play!
    Chega o Natal mas não chega Setembro!!!!!
     
     
     
     
     
     

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=1005440613 Junior Leite

    vei perfeito a season finale , mas sinceramente victoria é uma diva , ela é 70% da série , ELA NAO PODE MORRER , EU AMO ELA!

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    Nossa, precisei voltar aqui pra responder a esse comentário! É praticamente uma review das minhas reviews! rs. Por sorte, é uma review muito positiva e recheada com um feedback sensacional, que com certeza não só me ajudará muito nas próximas, como também dá um gás mais do que necessário para fazer esse tipo de trabalho.

    Fico feliz por vc ter se juntado a nós e encontrado em Revenge um “novo amor” pra dedicar seu tempo e extremamente honrado pelo tempo que levou não só para ler as reviews, como também para prestar tanta atenção e comentar tanto sobre elas.

    Muito obrigado mesmo, e até setembro!

  • RTsaraiva

    po…..espero q te reencontre por aki antes….se vc começar a fazer review d qq outra série ou se vc já faz e eu é q ainda não sei por favor poste aki q posso dar uma chance à série só p ter a oportunidade de me deliciar com suas reviews maravilhosas! abração

  • http://twitter.com/gutocristino Luiz GustavoCristino

    TBBT e The Voice são comigo mesmo. Mas são shows diferentes, que, por isso, exigem um estilo de texto diferente também. Recomendo uma conferida em ambos, independentemente das minhas reviews. Abs!

  • Carol

    Resenha magnífica!

  • Lucas M Reis

    “Cadê Uma Thurman pra parar de cantar musiquinha em “Smash” e ensinar pra Emily como se faz uma Revenge decente???” Ri muito, bem q Uma poderia estar matando Karen. Os quotes foram impagaveis, sempre adorei Nolan, e Victoria nem se fala, junto de Emily fazem os 3 melhores personagens da série (do lado oposto estão Charlotte, Declan e Jack como os piores). O(s) tapa(s) na cara q Victoria deu foi delicioso, e aquela ultima trollada foi maravilhosa, b-i-a-t-c-h até o ultimo suspiro ,literalmente. Acho q não vão matar a Evil Queen do Hamptons, sem ela é como se 1/3 da série deixasse de existir. Ansiosíssimo pela próxima temporada. Até lá, q venha Pretty Little Liars. #VoltaVicky #HamptonsFieldsForever

  • Luloispes

    Essa série é muito boa mesmo. Pelo menos até agora já conseguiu imitações, pq. afinal de contas a novela das oito já retirou parte dos epi. da série para seu conteudo. Agora como a série tah em hiatos, vão ter que reinventar…

  • http://twitter.com/yosoymary YoSoyMary

    Adorei a sua percepção sobre o “white-haired man” ter forjado a morte do David Clarke e/ou estar a serviço da mãe de Ems. As resenhas do Luiz Gustavo são imperdíveis mesmo! Eu ficava com a mesma ansiedade tanto pelo acesso aos novos episódios quanto pelas resenhas.
    Que setembro não tarde!!! #Letitplay 
    =D.

  • http://twitter.com/mairaleao_ Maíra Leão

    Sério… nem por um momento acredito que Victoria está morta. Tb achei idiotice da Emily não matar o assassino do pai… mas vamos combinar que se ela tivesse matado ia ser um caminho sem volta pra personagem… e todos nós sabemos que em algum momento ela irá querer se redimir (embora fosse muito mais interessante que não). Achei mais sem sentido ainda o cara do cabelo branco não expor a Emily como Amanda… afinal… o que ele ganha preservando a identidade dela pro Conrad? Amanda é obviamente uma inimiga em comum deles… e mesmo que ela tenha poupado sua vida, o plano de trazer justiça para aqueles que armaram a prisão do pai continua. Ou ele a teme (o que seria ridiculo), ou a considera totalmente inofensiva (o que tá mais pra verdade, pq no final de contas a Emily podia ter sido muito mais ousada e agressiva em sua vingança contra Victoria e Conrad).

  • Marco Rodrigues

    Sem a Vitoria não assisto mais a serie, aquela mulher é simplesmente fantastica.